Curiosidades

9 Pedras que Parecem Jade Mas Não São (Imagens)

O jade é uma pedra preciosa altamente valorizada, conhecida por sua bela cor verde e durabilidade. Seja você um colecionador, um designer de joias ou apenas curioso sobre pedras preciosas, este post é para você.

Existem muitas outras pedras semelhantes em aparência ao jade e podem ser facilmente confundidas com ele. Neste post, vamos discutir 9 pedras que muitas vezes são confundidas com jade, mas na verdade não são.

Vamos mostrar imagens dessas pedras e explicar suas características únicas para que você possa diferenciá-las do jade. Então, sem mais delongas, vamos mergulhar nessas 9 pedras que podem confundir você.

Existem pedras que parecem Jade?

Jade

Existem várias outras pedras que têm qualidades semelhantes ao jade.

Em particular, a serpentina e a aventurina têm o mesmo tom verde terroso e são bastante populares por sua estética impressionante.

Além dessas duas, a calcedônia, a ammolita e a crisoprase também têm semelhanças na aparência com o jade.

Aqui está um resumo rápido de algumas pedras que podem ser confundidas com o jade:

  • Serpentina: possui os mesmos tons de verde que o jade e vem em várias formas diferentes;
  • Aventurina: frequentemente encontrada em joias, tem uma aparência lustrosa semelhante ao jade;
  • Calcedônia: aparece com tons sutis de marrom, bem como verdes mais claros que se aproximam dos tons do jade;
  • Ammolita: suas manchas pretas distintas em sua superfície esverdeada são fáceis de identificar ao comparar com o jade;
  • Crisoprase: verdes brilhantes e menta, juntamente com sua textura vítrea, podem dificultar a distinção do jade.

Como existem muitas pedras que compartilham os mesmos atributos do jade, é importante identificá-las corretamente antes de fazer qualquer compra.

9 Pedras que parecem jade mas não são

pexels monstera 6621434 683x1024 1

Esta seção se concentrará em nove pedras que muitas vezes são confundidas com jade, mas na verdade não são.

Vamos explorar as semelhanças entre o jade e essas pedras, bem como algumas diferenças chave que ajudam a distingui-las do jade verdadeiro.

A gama de cores e características que essas pedras possuem pode torná-las opções atraentes para quem busca uma alternativa ao jade.

1) Serpentina

Serpentina

A serpentina é uma pedra verde frequentemente confundida com o jade.

Esta pedra foi nomeada a partir da palavra grega para cobra devido ao seu padrão ondulado que lembra o movimento de uma cobra.

Ela varia em cor, desde verdes profundos a tons mais claros de verde e tem uma aparência manchada ou pontilhada atraente.

A serpentina é comumente usada em joias, esculturas e decoração de interiores devido à sua aparência visual impressionante e composição interessante.

Dizem que a serpentina pode ser usada para cura espiritual e suporte emocional devido às suas vibrações energéticas.

2) Amazonita

Amazonita

A amazonita é uma pedra semipreciosa que se assemelha ao jade em sua aparência, mas tem uma cor mais clara e uma dureza que a torna inadequada para muitos dos usos tradicionais do jade.

A amazonita é conhecida por seus belos tons de azul-céu e verde e seu acabamento altamente brilhante, que pode tornar os itens de joalheria particularmente atraentes.

A estrutura mineral da pedra também lhe confere um padrão interessante de camadas refletoras de luz.

Embora a amazonita compartilhe algumas semelhanças com o jade, sua força e cores brilhantes lhe dão um caráter único, tornando-a popular para fins decorativos e de cura.

3) Crisoprase

Crisoprase

A crisoprase é uma forma de calcedônia, conhecida por sua coloração verde vívida.

Embora o tom e a textura possam se assemelhar ao jade, é um mineral completamente diferente que se forma em áreas de solos ricos em ferro e afloramentos.

Seus tons variam do verde maçã claro a tons de floresta mais profundos.

Uma pedra semipreciosa rara, diz-se que a crisoprase traz otimismo, alegria e promove o bem-estar geral.

Essa variedade de calcedônia também tem sido usada ao longo da história em joias decorativas, como pingentes e brincos, devido à sua coloração vibrante.

4) Aventurina

aventrina

A aventurina é um tipo de quartzo conhecido por sua cor verde, frequentemente confundida com o jade.

Tipicamente, contém pequenas inclusões que dão à pedra um efeito cintilante, às vezes chamado de “aventurescência”.

Há muito tempo é usada para fazer joias e outros itens decorativos, e acredita-se que tenha propriedades curativas.

Embora a aventurina possa parecer jade, pode ser facilmente distinguida por seu tom verde e inclusões brilhantes. Também é muito mais acessível que o jade verdadeiro.

No geral, a aventurina é uma alternativa deslumbrante e econômica ao jade. Mas é importante limpá-la regularmente.

5) Maw Sit Sit

Maw Sit Sit é um tipo de rocha semelhante ao jade, composta principalmente de kosmochlor e albita. Sua aparência se assemelha ao jade tradicional, mas sua composição química a diferencia.

Sua coloração distinta inclui padrões de verde escuro, preto, amarelo e branco que dão ao Maw Sit Sit uma estética atraente.

Este mineral único pode ser encontrado em Mianmar e em outras localidades ao redor do mundo.

6) Afghanite

Afghanite

A afghanite é um mineral bonito que frequentemente é confundido com o jade devido à sua aparência verde e branca salpicada.

Foi descoberta pela primeira vez na província de Badakhshan, no Afeganistão, e tipicamente é opaca a translúcida com um excelente brilho.

Este deslumbrante mineral pode variar em tons de verdes profundos, azuis, cinzas e marrons, mas só exibe sua cor magnífica quando polido ou facetado.

Embora a afghanite possa ser visualmente confundida com o jade, tem uma dureza muito menor na escala de Mohs, de 5,5-6,5, em comparação com a do jade, que é de 6,5-7.

7) Granada Grossulária

Granada Grossulária

A granada grossulária é uma variedade de granadas com uma cor verde distinta que frequentemente se assemelha ao jade.

Ela varia de verde-oliva a verde-amarelado, ou até mesmo tons avermelhados, dependendo de sua origem.

A granada grossulária tipicamente contém quantidades traço de cromo, vanádio e ferro, que causam as cores únicas.

Quando cortada e polida em cabochões, a granada grossulária faz uma peça de joalheria deslumbrante devido à sua alta clareza e brilho gemológico.

Essa pedra preciosa tem sido popular desde o século XIX, valorizada por sua coloração incomum e acessibilidade.

8) Crisocola

Crisocola

A crisocola é uma pedra preciosa com cores vivas que variam de azuis brilhantes e verdes a tons de turquesa profundo.

Embora possa parecer semelhante ao jade, a crisocola é composta de minerais diferentes e não é considerada uma pedra de jade verdadeira.

Sua cor verde-azulada distinta vem da combinação de minerais à base de cobre e sílica.

A crisocola é uma pedra ornamental popular para joias devido às suas cores brilhantes, embora possa ser mais frágil do que outras gemas.

9) Turquesa

Turquesa

A turquesa é uma pedra única com um tom esverdeado-azulado distintivo. Muitas vezes pode ser confundida com o jade devido à sua cor e semelhança com a pedra ornamental.

No entanto, é facilmente distinguível por seus tons que variam do azul claro ao escuro e pela textura que é cerosa, em vez de lisa como o jade.

Além disso, tem características físicas diferentes, como dureza, durabilidade e resistência.

Essas pedras têm sido valorizadas desde os tempos antigos e têm muitos usos, desde joias a talismãs.

A turquesa continua sendo um mineral procurado hoje e se tornou uma gema icônica na sociedade moderna. A turquesa também é comumente confundida com outros cristais.

Como saber se é um jade verdadeiro? 5 Maneiras

Anéis de Jade

A qualidade das pedras de jade pode ser difícil de identificar, mas há algumas maneiras de garantir que você tenha uma pedra genuína.

Agora, discutiremos 5 indicadores confiáveis de pedras de jade genuínas que ajudarão você a determinar sua autenticidade.

1) Examine a Cor

Examinar a cor é uma maneira de saber se uma pedra de jade é verdadeira. Verifique se as cores são uniformes e consistentes, seja verde, lavanda, amarela ou branca.

Inspecione a pedra de perto para identificar quaisquer manchas ou pontos que possam indicar que não é real.

Outros métodos para autenticar o jade incluem sentir a textura, testar o peso e a clareza, e usar uma lupa para verificar a veia.

2) Verifique a Clareza

Para verificar a clareza de uma pedra de jade, segure-a contra a luz e observe de perto sua superfície.

Um jade verdadeiro deve parecer transparente com uma textura suave, em vez de nublou leitosa.

Dependendo da qualidade, você pode até ver pequenas fraturas na pedra que ainda são consideradas aceitáveis. Se parecer turvo, pode não ser genuíno.

3) Inspeccione o Corte

Examinar o corte de uma pedra de jade é uma boa maneira de determinar sua autenticidade.

Se parecer ceroso, pode haver indicação de que o material é algo diferente.

Além disso, um jade autêntico deve ter um acabamento suave, sem falhas visíveis e simetria uniforme quando examinado com aumento.

4) Sinta o Peso

Para verificar se uma pedra de jade é genuína, sinta seu peso – deve ser relativamente pesada. Observe sua superfície e certifique-se de que não há arranhões ou abrasões.

Verifique as bordas para ver se estão afiadas e distintas. Verifique a translucidez; o jade verdadeiro será ligeiramente translúcido quando segurado contra a luz.

Finalmente, examine a cor; o jade autêntico pode variar do verde vibrante ao branco.

5) Pesquise o Revendedor

Para garantir uma pedra de jade genuína, pesquise o revendedor. Verifique as avaliações, visite o site deles e pergunte sobre suas certificações.

Pergunte se eles oferecem serviços de teste de laboratório para autenticidade. Avalie sua política de devolução para verificar a confiabilidade. Compare os preços com outras fontes para uma decisão informada.

Também é importante estar ciente de que existem muitas imitações de jade no mercado, como vidro de jadeíta e jade sintético.

Conclusão

Seja serpentina verde, malaquita azurita, jade nefrita ou mesmo pedra-sabão, essas 9 pedras podem parecer jade, mas não são!

Todas elas oferecem cores e propriedades únicas para tornar cada uma especial. Agora que você conhece as diferenças entre essas pedras, pode fazer uma escolha educada ao escolher a certa para você.


Descubra mais sobre Harmonia Cristais

Subscribe to get the latest posts sent to your email.

Jessica Fulgoni

Meu amor por cristais me levou a criar Harmonia Cristais. Aqui eu compartilho todas as minhas experiências, conhecimentos e dicas para obter todos os benefícios espirituais dos cristais.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Garanta o Seu Agora!

Baixe o seu Guia de Cristais e Mapa de Chackras

Faça o Download do Guia de Cristais e Mapa de Chackras, com os 25 cristais mais importantes com propriedades e funções de cura. Tenha na palma de sua mão quando quiser ou imprima para estudar.

mockup-1